28/03/2011


Olá, leitores!

Tapete sujo ou manchado. Isso é um terror para todos nós, não  concordam? Mas como proceder corretamente na limpeza de tapetes,  sendo alguns tão delicados?

No post de hoje vamos dar algumas dicas de suma importância para a  conservação de tapetes em geral. Um post com teor de utilidade  pública! Espero que gostem.

Primeiramente, vamos entender os significados das informações dos  ícones contidos nas etiquetas dos tapetes:


1. Lavagem a mão. Temperatura máxima: 40°C.
2. Não alvejar. Não branquear.
3. Não secar em tambor. Secagem por gotejamento.
4. Não passar.
5. Não limpar a seco. Limpeza a úmido profissional: processo normal.

Agora que conhecemos os símbolos que aparecem nas etiquetas dos tapetes e sempre causam dúvidas, vamos a sequencia correta de procedimentos a seguir em lavagens caseiras.

SEQUENCIA DE PROCEDIMENTOS
1. Aspirar o tapete (antes de iniciar a lavagem).
2. Eliminar manchas (ver dicas de remoção a seguir).
3. Umedecer totalmente a superfície do tapete.
4. Diluir o detergente líquido (neutro) em água. Aplicá-lo uniformemente na superfície do tapete.
5. Não usar escova rotativa tipo enceradeira.
6. Escovar a superfície do tapete no sentido do pelo (utilizar escova de cerdas macias). Redobrar os cuidados na superfície do tipo Shag (pelos altos).
7. Não deixar o tapete de molho.
8. Enxaguar, retirando todo o detergente.
9. Retirar o máximo de umidade do tapete (pode ser utilizado aspirador para líquido).
10. Secar sem torcer.
11. Para não vincar, não colocar em varal.
12. Alterar a posição do tapete (base e superfície) de forma que ambas estejam suficientemente expostas para secagem.
13. Para tapetes que tenham a base emborrachada (antideslizante): a mesma não deverá ser exposta ao sol, pois isto poderá provocar a degradação da borracha.
14. Certificar-se que o tapete esteja totalmente seco. Somente então retorná-lo ao ambiente, para evitar odor desagradável.

0 comentários