11/05/2011



Que o mês de maio é o mês das noivas, todo mundo sabe. O número de casais que nos procuram para montarem suas listas para se casarem nesse mês é imenso. E realmente é um mês muito propício, chega a combinar mesmo com o enlace. Seria estranho dizer que "agosto é o mês das noivas", por exemplo.

Todos sabem que maio é o mês das noivas, mas já pararam pra pensar o POR QUÊ de ser? Pois é, eu também não sabia. Mas levantei algumas informações para compartilhar com vocês.

Acredita-se que a "escolha" do mês de maio se deve a fatores religiosos. Maio é o Mês da Consagração de Maria, mãe de Jesus Cristo. Quem relacionou pela primeira vez esses dois elementos foi Afonso, o Sábio, Rei de Castilha, no século XIII. Ele associou a beleza de Maria à beleza do mês de Maio, em um dos seus cantos poéticos.

Dessa premissa surgiu também o Dia das Mães, em alusão a mais célebre mãe de todos os tempos. Segundo o Padre Francisco Greco, da Igreja São Jorge Mártir, “Como maio é Mês de Maria e das Mães, a noiva teoricamente é aquela que deseja ser mãe, por isso que talvez tenha nascido essa relação”.

De forma geral, o casamento sempre foi tratado com ares divinos e maternais, o que o tornou um ritual de passagem de suma importância na vida de milhões de pessoas.

Mas vamos aos fatos. Apesar da mística do mês de maio, ele passa longe de ser o mais escolhido entre os noivos. Segundo dados do IBGE, dezembro tornou-se a data mais procurada. Essa mudança foi devida às condições que este mês oferece, como os abonos extras que os trabalhadores ganham no final do ano. O 13¼ salário é um alívio para quem está gastando muito com vestidos, decoração, festas e seria um complemento para a viagem de lua-de-mel. Este período também coincide com as férias e é bastante festivo por causa das comemorações de fim de ano.
Além de dezembro, há outro mês que desbancou o chamado mês das noivas. Setembro, também segundo dados do IBGE, está sendo considerado o segundo mais procurado. Não há justificativas científicas para explicar o motivo da preferência por este período, no entanto, acredita-se que este seria um mês romântico por causa da chegada da primavera, estação das flores.

Mas, independentemente das datas, superstições e afins, o Casamento deve sempre ser considerado um momento único, especial e de grande reflexão sobre conceitos de respeito, cumplicidade e amor. Pois como disse Raul Seixas, uma jura de amor de um casamento que venha a acabar, é uma traição a si mesmo.

Por isso, amem. Amem muito.

0 comentários